Por ser um prato que reúne valores nutricionais completos e de fácil preparo, o karê faz parte das refeições diárias dos japoneses e é, inclusive, indicado para consumo pelas crianças 

O Grand Hyatt Rio de Janeiro trouxe para o Shiso – o premiado restaurante japonês que compõe o complexo gastronômico do resort urbano da Barra da Tijuca -, um tempero típico da cozinha indiana que conquistou o paladar da cultura japonesa.

Saiba mais sobre o Karê e conheça a programação especial que preparamos para você deliciar da sofisticada gastronomia oriental em grande estilo.

O que é karê

Alimento de origem indiana, o karê foi introduzido, adaptado e difundido no Japão no século XIX. Com o passar do tempo, ele passou a fazer parte da culinária tradicional do país e até hoje é um dos pratos mais apreciados pelos japoneses.

Ingredientes tradicionais

O primeiro contato dos japoneses com o karê ocorreu em 1863. Na ocasião, uma comissão de 34 governadores foi enviada à França para tratar de assuntos diplomáticos entre os dois países.

Durante a viagem, a comitiva se deparou com alguns indianos que se alimentavam de arroz e uma mistura grossa e picante com batatas. Por se tratar de um prato a base de arroz, alimento básico da dieta japonesa, a aceitação foi rápida.

No Japão, a consistência do karê ficou mais úmida. O prato tradicional consiste em um ensopado de cebola, batata, cenoura, outros legumes, carnes e o curry, além do arroz branco, é claro.

Karê no Festival de Inverno do Grand Hyatt Rio de Janeiro

Para proporcionar um clima aconchegante e cheio de sabor nesse inverno carioca, a Chef Miriam Moriyama foi em busca das melhores combinações do tempero típico da cozinha indiana com a culinária japonesa.

O resultado dessa união aliada à criatividade e à ampla experiência da chef veio no Festival de Inverno do Shiso, que consiste em três pratos que farão você vivenciar uma experiência sensorial única em um ambiente confortável e acolhedor.

As opções de frutos do mar, carne de porco ou bovina são apresentadas das seguintes formas:

Karê Udon

Udon é um macarrão de cor branca muito popular no Japão. Sua espessura é mais grossa em relação aos macarrões tradicionais. Essa característica combina perfeitamente com os pratos de inverno porque imprime neles mais consistência.

Ao macarrão são acrescentados caldo de curry, barriga de porco e cebolinha. Essa reunião de sabores é ideal para os dias mais frios que pedem momentos de calor para o corpo e paladar.

Yaki Karê

Esse prato foi criado para promover experiências marcantes aos apreciadores de carne vermelha. Um suculento contra filé grelhado na brasa é acompanhado de arroz branco, sunomono, (pepino fatiado em conserva), e sopa missô (caldo de soja fermentada).

Sea Food Karê

Esta opção reúne o que há de mais sofisticado em preparos à base de frutos do mar. Uma seleção variada e fresca de camarão, polvo, lula e vieiras é servida com arroz branco, sunomono e sopa missô.

Prato japonês karê

Ambiente moderno e cheio de charme

Liderado pela única sushiwoman no Rio, o  Restaurante Shiso é um dos atrativos do resort 5 estrelas, que divide o espaço com duas das mais belas paisagens cariocas: a Lagoa de Marapendi e a Praia da Barra.

As atividades gastronômicas do restaurante são realizadas de terça a domingo, a partir das 19h. A modernidade arquitetônica e os elementos da singularidade carioca fazem do espaço um verdadeiro templo onde se pode ampliar os sentidos e ter contato com encontros culturais por meio do paladar.

Fatos e curiosidades sobre o karê

  • O consumo de carne, proibido por muito tempo no Japão, foi liberado em 1872. O karê com carne começou a ser servido em 1877 e era considerado um prato de elite na época, chegando a ser 8 vezes mais caro que o soba (macarrão de trigo sarraceno).
  • Até 1890, a cebola e a batata eram alimentos raros no país. Por essa razão, o karê era feito apenas com cebolinha verde.
  • O karê foi popularizado somente em 1900 e na época era preparado apenas com carne bovina ou de frango.
  • Durante a guerra contra a Rússia, enlatados de carne bovina eram enviados para os locais da guerra, tornando caro o produto no Japão. Por possuir alto valor nutritivo, pó de curry enlatado passou a ser enviado aos soldados durante a guerra.
  • Durante a Segunda Guerra Mundial, a produção de curry foi proibida no país.
  • A democratização da TV e a veiculação de peças publicitárias durante a década de 50 provocaram a popularização do karê. Assim, o produto passou a ser consumido em várias partes do mundo.
  • Em 1982, o karê raisu passou a compor o primeiro cardápio unificado para a merenda escolar de todo o Japão e se tornou o prato predileto das crianças.

Desfrute do que há de melhor da culinária

Sempre preocupada em manter a qualidade dos serviços e proporcionar aos clientes encontros com as melhores manifestações culturais do mundo inteiro, a equipe do Grand Hyatt está em constante aprendizado.

Agora que você já sabe o que é o karê e quais são os componentes históricos e sociais desse prato, dê ao seu paladar a oportunidade de degustar a arte de Miriam Moriyama e compartilhar momentos de afeto e diálogos entre Brasil, Índia e Japão. Esperamos por você!